Regra de 3

Great Pretender | Primeiras Impressões

6 minutos para a leitura

Em nossas RegrasDe3, os autores assistem os 3 primeiros episódios de um anime novo lançado na respectiva temporada. Após isso, eles escrevem uma análise sobre esse começo da obra, sendo uma espécie de primeiras impressões. Fique atento: a RegraDe3 é uma visão baseada APENAS nesses 3 primeiros episódios, NÃO sobre o anime inteiro.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no pocket

Primeiramente, a palavra HYPE define Great Pretender. Também, com a premissa de ser baseado na canção da banda The Platters, imortalizada por Freddie Mercury, já conta positivamente.

Depois então desse trailer aqui:

A curiosidade bateu muito mais alto, visto a qualidade dessa propaganda.

Será que esses 3 episódios conseguiram me cativar? Vou dropar a série ou verei até o último episódio desta primeira temporada? Fique comigo e descubra!

propaganda da estreia de great pretender com o personagem principal
  • Gênero: Suspense policial / comédia
  • Direção: Hiro Kaburagi
  • Roteiro: Ryota Kosawa
  • Estúdio: Wit Studio
  • Material fonte: Original
  • Episódios: 23 (5 lançados antecipadamente pela Netflix do Japão)
  • Disponível em: a partir de 20 de Agosto de 2020 na Netflix
  • Página do anime (na Cúpula) (no MAL)

Abertura e encerramento excelentes

Great Pretender nos apresenta logo de cara uma belíssima abertura, com a estética muito semelhante a Tank! (Cowboy Bebop). Contudo a atmosfera também me lembra dos filmes da Pantera cor-de-rosa.

Juntamente com os elementos na abertura, um jazz frenético dá o tom de homenagem aos filmes de vigaristas de Hollywood. Ainda mais sendo o local onde se passam a maior parte dos 3 episódios vistos.

O encerramento também é lindo demais, mostrando a musica tema desse anime, enquanto uma animação de gatos passa por nós. Como resultado nos deixa a impressão de que esses animais são grandes vigaristas a roubar nossos corações.

Do que se trata afinal esse anime?

Conhecemos Makoto Edamura logo de cara, fazendo o que sabe melhor. Se auto-intitulando o maior vigarista do Japão, ele vive de dar golpes nos outros com seu parceiro Kudo.

great pretender protagonista garotas

Porém como diz um dito famoso aqui no Rio: “Todos os dias saem de casa um malandro e um otário…” ele literalmente foi feito de trouxa por um francês, Laurent Thierry.

A forma como isso foi planejado e executado é fantástica, uma homenagem perfeita a filmes como Onze homens e um segredo, Prenda-me se for capaz, dentre outros.

Eu realmente não posso dar mais detalhes sobre o ocorrido no primeiro episódio, mas posso dizer que demandou muito planejamento e bastante mão-de-obra especializada rsrs.

Logo depois do plot-twist o francês explica seus planos ao Edamura e nos dois episódios seguintes eles estão a aplicar um golpe no chefão da máfia em Hollywood.

vigaristas e mafioso dentro de uma limousine

No segundo episódio temos um breve momento onde nos é explicado qual o motivo que levou o Edamura a viver aplicando golpes. De modo a apenas acrescentar alguma camada ao personagem.

Baseado em um sucesso de Freddie Mercury: Great Pretender é inovação ou blefe?

Fiquei intrigado sobre a premissa desse anime em se basear na música de um dos maiores cantores de todos os tempos, dono de uma voz cientificamente diferenciada.

Achei legal também a globalização presente no primeiro episódio. Eles falam em 3 idiomas, sendo que os roteiristas fazem um gracejo no meio do mesmo, ao propósito de informar que vão fazer a tradução de tudo para o japonês.

Fora a música de abertura e a de encerramento que não são tão habituais em obras nipônicas.

Todavia não encontrei nenhuma grande menção a musica, exceto pelo fato deles serem vigaristas e ela estar como encerramento. Nesse sentido me parece que isso é somente uma grande jogada de marketing.

Além dissoa ela não deixa muito material para que possa criar uma história complexa de varios personagens, como é apresentado pelo anime.

Finalizando a RD3 de Great Pretender

A animação está fantástica! o trabalho feito pelo Wit Studio está de parabéns pela qualidade! Em 3 episódios dá pra sentir esse diferencial em relação que outras obras, bem como da trilha sonora da abertura e do encerramento, que são lindas!

os protagonistas dentro de um carro

Gostei muito de como me foi apresentada a obra, o primeiro episódio é alucinante mas os outros 2 episódios só aprofundam a historia do arco no qual se encontram. Logo então só vendo todos eles para formular uma analise mais detalhada.

Todavia fiquei sabendo que o anime será liberado em casos, contendo 5 episódios de uma vez, conforme você pode ler aqui nessa notícia da Cúpula! é uma forma inovadora de distribuir esse conteúdo.

Além disso, se você gostou dessa RD3 te convido a ler nosso guia de animes da temporada! Tem muita coisa legal lá (ou não rsrsrs).

Fica mais que evidente o quanto gostei dessa RD3 e vou terminar de ver o anime com certeza, assim como o recomendo a todos que procuram um bom suspense policial com uma boa pegada cõmica!

Fiquem atentos pois logo mais vai sair a crítica dele aqui na Cúpula!

Escrito por

Diego Mariano

Escritor

Músico | Oldschool | Shonenzero

Gostou do artigo?

Comente abaixo sua opinião sobre o assunto e convide o autor da postagem para conversar!

Se inscreva e receba
novidades exclusivas
da cúpula do trovão!

Ir para o topo