Análise

5 animes de esporte que inspiram, emocionam e farão você se mexer

5 animes de esporte que inspiram, emocionam e farão você se mexer
15 minutos para leitura

Animes de esporte conseguem trazer à tona a grande natureza do ser humano: ser competitivo.

Competimos em tudo, por um bom emprego, por um bom parceiro romântico, boas notas, um bom lugar para morar, fama… vivemos competindo por tudo na sociedade. De maneira saudável, ou não.

Infelizmente, nem todas as formas de competição são íntegras ou isentas de atitudes maléficas, porém, se existe uma forma de competir mais pura e bela do que através de esportes, eu desconheço. 

Com certeza há aqueles que praticam esportes e atuam como malfeitores em suas respectivas modalidades. Todavia, a maioria dos atletas está lá para dar o melhor de si e vencer.

Os esportes costumam pegar muito da parte fanática das pessoas. Fanática a ponto de fazerem besteiras como guerrilhas em estádios. Desta forma, mesmo sendo ações tão banais e estúpidas realizar tais atos, é inegável que algo que cultiva tal fanatismo não seja, de fato, apaixonante.

O ponto é: que atire a primeira pedra aquele que não se sente bem quando assiste/pratica um esporte que gosta. Quer ver se forem animes de esporte bons!

Os bons animes de esporte costumam atingir com força. Tudo porque eles trazem o que há de melhor em cada modalidade, transmitem uma história interessante, e, acima de tudo, nos trazem personagens que estão dispostos a abrir mão de tudo para se esforçar ao máximo em algo que amam.

Esse tipo de inspiração emociona quem assiste. Na verdade, alguns animes dessa lista me incentivaram a praticar atividades físicas.

Será que é porque eu gosto muito de animes, ou será que é porque os japoneses conseguem caprichar em passar esse tipo de motivação para a audiência via desenhos?

Não sei dizer, mas vamos a lista que preparei para vocês, recheada de animes que irão te inspirar e emocionar!

1. Haikyuu!!

Time de Karasuno, de Haikyuu, reunido em quadra
  • Gêneros: Esporte, Slice-of-life, Comédia
  • Estúdio: Production I.G
  • Material original: Mangá (fevereiro 2012 – presente)
  • Episódios: 
    • Primeira temporada: 25 (abril 2014 – setembro 2014
    • Segunda temporada: 25 (outubro 2015 – março 2016)
    • Terceira temporada: 10 (outubro 2016 – dezembro 2016)

Em uma fria manhã, o “às” do time Karasuno de voleibol, chamado de o “Pequeno Gigante”, arrasava seus oponentes em um jogo de vôlei. 

Nosso protagonista, Hinata Shouyou, enquanto passeava pela rua, para e assiste em uma televisão de vitrine a partida do às. A energia e presença do Pequeno Gigante marcou Hinata. Marcou tanto, que ele resolve reviver o antigo clube de voleibol de sua escola do fundamental.

A motivação e insistência do protagonista nanico foram de grande influência para que os amigos de Hinata se juntassem a sua causa, mesmo que eles já participassem de outros clubes desportivos do colégio.

Surpreendentemente, o time de Hinata consegue chegar em um torneio, porém, sua primeira partida já foi a última; eles foram completamente esmagados pelo time de Kageyama Tobio, ou, como é comumente conhecido: “O Rei”. 

O tempo passa, e logo ao entrar no ginásio de esportes de sua nova escola, ele se depara com uma impressionante/horrível surpresa: Kageyama também foi para a Karasuno.

Baseado em um dos mais populares mangás da Shonen Jump, “Haykyuu!!” é uma excitante e emocionante história sobre dois garotos que amam vôlei.

Porém, que precisam resolver suas diferenças e suas próprias dificuldades para que, juntamente com seu novo time, consigam evoluir individual e conjuntamente, com um claro objetivo: se tornarem os melhores do Japão.

Será que eles chegam lá? Ou será que suas diferenças atrapalharão o suficiente à ponto de desistirem do sonho?

Todas as temporadas de Haikyuu!! se encontram no Crunchyroll, inclusive os filmes! Desta parte 1 de animes de esporte, provavelmente é meu favorito, porque eu amo vôlei.

2. Run With the Wind

Elenco principal de Run With the Wind, reunido para trienamento
  • Gêneros: Slice-of-life, Esporte, Drama
  • Estúdio: Production I.G
  • Material original: Light Novel (fevereiro 2012 – presente)
  • Episódios: 23 (outubro 2018 – março 2019)

Começamos a história com o antigo corredor “às” do Colegial Sendai Josei, Kurahara Kakeru, sendo perseguido após ter roubado comida de uma loja de conveniência.

Obviamente, ele não vê problemas em deixar seu perseguidor comendo fumaça, mas, ao olhar para o lado, ele vê Kyose Haiji, um cara que o perseguiu de bicicleta.

Haiji não aborda Kakeru com intenções de repreender seu ato criminoso, ele só aborda o exímio corredor com uma simples pergunta:

“Você gosta de correr!?”

Passado pouco tempo, e como Kakeru se encontrava numa situação delicada, ele aceita o convite de Haiji para morar junto dele em uma pensão chamada Chikusei, onde habitam outros 8 estudantes da universidade local. 

Entretanto, Haiji revela um segredo durante a festa de boas vindas de Kakeru: a residência na verdade é o dormitório do Clube de Atletismo da Universidade Kansei. 

Logo após, Haiji declara sua maior ambição: participar da Hakone Ekiden, uma das mais proeminentes maratonas de universidades do Japão. E os residentes do Chikusei irão correr nela! Ou não?

Somente com alguns meses antes do prazo de entrada na maratona, será que o carismático Haiji conseguirá convencer seus colegas de dormitório a correr com ele? Ou melhor, será possível ele fazer com que eles compartilhem do mesmo objetivo dele? 

Na verdade, Kaze ga Tsuyoku Fuiteiru (Run with the Wind) poderia facilmente entrar em uma lista de “os melhores slices of life” de todos os tempos, mas, como ele utiliza muito do “esporte” para desenvolver os 10 personagens (SIM, todos os 10 moradores do Chikusei são muito bem desenvolvidos!), eu preferi elencar essa magnífica obra como um esporte!

Run with the Wind pode ser encontrado na Crunchyroll também.

3. Slam Dunk

Slam Dunk, elenco principal em time
  • Gêneros: Comédia, Esporte, Drama
  • Estúdio: Toei Animation
  • Material original: Mangá (outubro 1990 – junho 1996)
  • Episódios: 101 (outubro 1993 – março 1996)

Hanamichi Sakuragi é um delinquente muito bom de briga devido ao seu físico bem atlético, que vem de suas brigas diversas pelas ruas. Ainda, Sakuragi é líder de uma gangue com seus amigos.

Além de brigão, o rapaz é um fracasso no amor. O anime começa com a conquista do marco de 50 rejeições em 3 anos de ginásio! Sendo assim, pode-se dizer que o amor não é o ponto forte de Sakuragi.

Depois de tantas desilusões ele acaba conhecendo Haruko Akagi, que, por coincidência, reconhece o atletismo de Sakuragi. Por conta disso, a garota o apresenta ao time de basquete da escola que eles estudam, a Shohoku.

Ele reluta em ingressar no time de primeira, pois, além de não ter a menor noção do esporte, ele não cultivava interesse em ser atleta. Contudo, ele resolve aceitar o “chamado a aventura” de sua jornada e se junta à equipe, com intuito de impressionar Haruko.

Todavia, Sakuragi ainda assim tem muito o que aprender. A noção de regras e seu temperamento são um tanto explosivos e caóticos, mesmo em quadra.

Além de conter incríveis partidas entre times do ensino médio, ele possui personagens muito bem trabalhados com características próprias. Não só na maneira de agir, mas também na de jogar. Fora toda a comédia devidamente dosada que o torna um anime muito gostoso de assistir.

Se você não sabe nada sobre basquete, nada mesmo, e está com receio de assistir, posso afirmar: fique tranquilo. O protagonista não sabe nada também, afinal. Por isso, o anime trata de introduzir o esporte para as pessoas que não conhecem.

No Brasil, o mangá de Slum Dunk é publicado pela Panini.

4. Hajime no Ippo

  • Gêneros: Comédia, Esporte, Drama
  • Estúdio: Madhouse
  • Material original: Mangá (outubro 1989 – presente)
  • Episódios: 
    • The Fighting: 76 (outubro 2000 – março 2002)
    • New Challenger: 26 (janeiro 2009 – junho 2009)
    • Rising: 25 (outubro 2013 – março 2014)

Makunouchi Ippo é um garoto de 16 anos, tímido e pacífico, que auxilia sua mãe em uma loja que aluga barcos e artigos para pescaria.

Logo no começo da história, Ippo, por ser vítima de bullying, acaba apanhando de alguns “valentões”. Contudo, ele é salvo pelo exímio boxeador Mamoru Takamura.

Após isso ele acaba sendo introduzido ao mundo do boxe pelo Takamura, e nesse momento, foi amor a primeira vista. Desse momento em diante, a trama foca na carreira profissional do Ippo e de seus colegas de ginásio, sendo o principal deles o próprio Mamoru Takamura.

É interessante lembrar que todo “Naruto” tem seu “Sasuke”, ou seja, um rival de personalidade fria que é bem melhor que ele (pelo menos no começo). Este rival chama-se Miyata Ichiro.

Hajime no Ippo se destaca pela ótima profundidade dos personagens secundários e lutas eletrizantes. Até personagens novos que acabaram de ser apresentados para desafiar o Ippo recebem uma atenção especial, tendo suas histórias contadas.

Hajime no Ippo é um prato cheio para quem ama ação com um pouco de comédia, junto a personagens marcantes e carismáticos, e, claro, animes de esporte.

5. Major

Protagonista de Major na frente, com personagens secundários por trás
  • Gêneros: Esporte, Drama, Comédia
  • Estúdio: Hibari (1-78) e SynergySP (79-154)
  • Material original: Mangá (agosto 1994 – julho 2010)
  • Episódios: 154 episódios + 3 Ova (novembro 2004 – setembro 2010)

Honda Goro é filho de um profissional de baseball, sendo assim, logo conheceu este esporte e apaixonou-se por ele muito cedo.

A história de Major decorre deste protagonista que, além de possuir um talento natural, também se destaca pelo amor e esforço pelo qual ele aplica no baseball, seu esporte de paixão.

A narrativa acompanha Goro desde o primário até sua vida adulta. Graças a isso, é possível acompanhar suas disputas desde a liga infantil, passando pelas partidas emocionantes do Koshien no seu ensino médio, até chegar na “Major”, a maior liga de baseball do mundo.

Um roteiro repleto reviravoltas, partidas emocionantes e personagens carismáticos, é disso que Major é feito. Na verdade, o anime é considerado um dos maiores master-pieces dos animes de esporte.

Finalizando…

Acredito fortemente que o real motivo para que a maioria das pessoas que não gostam de esporte se autoproclamarem “não amantes de esporte” é bem simples:

Elas apenas não encontraram/praticaram o esporte destinado a elas, ainda. 

Sendo assim, procure! Pratique! Não necessariamente num cenário competitivo, mas pratique para se divertir com seus amigos, ou porque faz bem à saúde, que seja! O negócio é se mexer.

Hoje em dia temos esportes, dos mais variados âmbitos: artes marciais, esportes coletivos (futebol, vôlei, basquete), esportes individuais (sinuca, musculação, atletismo), e-sports… são tantos que nem tem como listar. 

Se meu discurso motivacional não surtiu efeito em você, pelo menos, assista animes de esporte, para se empolgar com a motivação dos personagens.

Antes que eu me esqueça, qual anime de esporte você quer que esteja estar na parte 2 dessa lista de “animes de esporte que fazem você se mexer”?

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Escrito por

André Uggioni

Co-Fundador

Editor-chefe | Host do CúpulaCast

Criciúma - SC

Entre na conversa, deixe seu comentário!

Comente abaixo sua opinião sobre o assunto e convide o autor da postagem para conversar!
Esse site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Ao navegar nele você está aceitando nossa política de privacidade.