Análise

5 animes casuais para iniciar gente nova no mundo otaku!

5 animes casuais perfeitos para iniciar gente nova no mundo otaku!
15 minutos para leitura
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no pocket

Os animes dessa lista são ditos como “animes casuais”, ou até quem sabe “animes bons para otakus iniciantes”, ou até quem sabe “bons animes para ver com a família”. E, apesar de ser Naruto na capa (porque foi uma puta duma imagem bonita de família em animes), Naruto não está na lista.

Chame como quiser, mas você, como um bom otaku, já deve ter se perguntando o que poderia fazer para passar o tempo com o pessoal naquelas (muitas vezes tediosas) festas de família.

Ou então, as vezes se vê na dúvida quando quer assistir algo com alguém que não vê muito anime, e precisa iniciar a pessoa nesse mundo da animação japonesa.

Tendo isso em vista, elaborei essa mini lista de animes casuais para que você possa assistir com a família ou amigos que você queira iniciar nesse mundo. Chamo de “mini” lista porque existem muitos outros ótimos animes casuais para iniciar alguém no meio otaku, mas esses aqui continuam sendo bons títulos para tal…

Nem tudo precisa ser igual como sempre é, inclusive as festas de família. Então porque não largar aquele anime top na TV da sala para toda família ver, para que eles finalmente entendam o motivo de você ficar tantas horas no quarto maratonando desenhos?

Então sem mais delongas, vamos para a as recomendações!

1) Dr. Stone

Senku de Dr. Stone sorrindo de maneira confiante
  • Gênero: Comédia, Ciência, Aventura, Exploração
  • Estúdio: TMS Entertainment
  • Material Original: Mangá (Março 2017 – presente)
  • Episódios: 24 (julho de 2019 – dezembro 2019)

Imagine só se em pleno século 21, do nada, todo mundo virasse pedra? E pior (ou melhor?), estar ainda consciente e vivo, mais de 3500 anos depois?

A parte mais louca e interessante é “renascer” no mesmo planeta de sempre, só que agora, a humanidade (ou o que restou dela) vive na “idade da pedra”. Ou seja, tudo, incluindo a tecnologia, a ciência, as cidades, as pessoas, foi “resetado” para a estaca zero. 

Louco, não? Pois é. A salvação disso tudo, melhor dizendo, da humanidade, é que o Ishigami Senku (protagonista) é um cientista genial que parece ter em sua mente todas as fórmulas necessárias para reconstruir toda a ciência e tecnologia da modernidade.

Na história, acompanharemos ele e seu melhor amigo, Taiju Oki, um protótipo de homem das cavernas bobão, porém confiável.

Vale a pena tirar um tempinho para descobrir como que eles vão tentar reestruturar toda a humanidade do zero, não acha? É um anime muito divertido e cheio de reviravoltas. Recomendo muito assistir!

O bônus dele é que se a sua família já assistiu alguns seriados na Netflix vai acabar se identificando pelo menos um pouco com o plot de sobrevivência no mundo pós apocalíptico, provavelmente.

Além disso, por ser um anime casual com comédia e que tem uma pegada bem shounen, fica fácil de assistir com quase qualquer pessoa que esteja disposta a tentar algo novo.

Tem na Crunchyroll!

2) ReLIFE

ReLIFE protagonistas na tela, com o homem machucado
  • Gênero: Comédia, Romance, Colegial
  • Estúdio: TMS Entertainment
  • Material Original: Mangá (outubro 2013 – março 2018)
  • Episódios: 13 (julho 2016 – setembro 2016) + 4 OVA’s

Acredito que você já tenha (ou pelo menos já tentou) assistir um pouco de animes do gênero slice of life. Sendo assim, você já viu que aquela vida de colegial é mostrada por ali nem sempre é uma que retrata fielmente a vida colegial real da maioria das pessoas, porque, na verdade, muitas vezes a época do colegial foi algo que você gostaria de esquecer.

Agora, imagine se você, com essa mentalidade que você tem hoje e toda a maturidade que você conquistou ao longo dos anos, pudesse voltar no tempo e reviver aqueles “gloriosos” dias de colégio?

Aposto que ia ser quase tão incrível quanto nos animes. E é exatamente isso que acontece em ReLIFE.

No anime, o protagonista tem a oportunidade de tomar uma pílula fornecida por uma organização que faz com que ele volte a ser jovem e possa reviver os dias de colégio, sem problemas. E ainda, ele vai ganhar um emprego após esse “experimento”, pois ele na verdade é um NEET.

Vale muito a pena dar uma chance para essa história, e você com certeza irá também dar muitas risadas nos acontecimentos inusitados que virão nessa aventura “de volta a juventude”.

Fora que essa pegada de “volta a juventude” pode acabar por agradar o pessoal mais velho, e por ser um anime quase que isento de ecchi forçado, não causará uma certa estranheza nas pessoas que não conhecem muitos animes.

Afinal, só quem já é otaku mesmo consegue digerir ecchi exagerado em animes que, por muitos podem ser considerados “animes casuais” (ou até mesmo consegue começar a gostar desse sub-gênero).

PS: os OVA’s são essenciais para conclusão da história.

Tem na Crunchyroll!

3) Shokugeki no Soma (Food Wars)

Soma de Shokugeki no Soma (Food Wars) com uma faca na mao
  • Gênero: Comédia, Colegial, Comida, Ecchi
  • Estúdio: J.C. Staff
  • Material Original: Mangá (novembro 2012 – junho 2019)
  • Episódios: 24 (1ª temp) (abril 2015 – setembro 2015) + 4 temporadas

Nada melhor pra combinar com festa de família do que assistir vários pratos de comida incríveis sendo feitos, não concorda comigo?

Afinal, nessas festas qualquer dieta é adiada, porque sempre vai ter aquela tia/tio ou vó/vô que vai somente ficar feliz se você comer bastante, e o pessoal geralmente só quer saber de comer e falar sobre os outros.

Nesse anime você verá um menino prodígio na cozinha, Yukihira Souma, que teve os ensinamentos do pai como um legado dos Yukihira. Esses ensinamentos são baseados em culinária caseira, porque eles possuem um restaurante familiar.

Só que não é somente isso, Soma é levado para estudar em uma escola avançada de elite para os melhores chefs de cozinha do mundo inteiro, onde ele irá passar por uma séries de desafios absurdos.

Nessa escola ainda, a reprovação pode resultar na expulsão, e ainda, nessa escola existem duelos entre os alunos que envolvem apostas, chamados “Shokugeki”.

Olha é cada prato que aparece nesse anime que você ficará espantado de como que existe tanta coisa diferente sendo feita com tão pouco ingrediente, e aí quem sabe você se inspira no menino Souma e vira um chef de cozinha também e faz um prato para impressionar algum familiar?

Mas agora, francamente, recomendo assistir este anime, porque ele é diferente, divertido e dinâmico. Ainda, muitas vezes inusitado com várias situações inimagináveis que acontecem no mundo da cozinha de elite.

O único probleminha aqui seria o ecchi, então, assista com familiares/amigos que você acha que curtem ou não se importam com esse recuso narrativo. Afinal, a lista é de animes casuais na minha opinião, né.

Tem todas as temporadas na Crunchyroll!

4) Made in Abyss

Made in Abyss Riko e Reg explorando o abismo juntos na floresta
  • Gênero: Aventura, Sobrenatural, Fantasia
  • Estúdio: Kinema Citrus
  • Material Original: Web Comic ( 31 de julho de 2013 – presente )
  • Episódios: 13+ 1 OVA

Agora estamos falando de um título premiado pela Crunchyroll como melhor anime do ano de 2017, ou seja, não é um simples anime nessa lista de animes casuais. Então, deixa eu te contar porque tanta gente gostou dele…

Sabe quando você não faz a mínima ideia do que esperar de tal anime e do nada ele te surpreende, e fica repetindo isso inúmeras vezes? Este é o Made in Abyss.

A história deste anime, se resumida, apresenta uma cidade chamada Orth, que foi estruturada aos redores de um Abismo mágico e sem fim, onde existe uma escola que prepara algumas pessoas para se tornarem “mergulhadores de abismo”. Ou como também como são conhecidos, “exploradores”.

Os exploradores são os que descem no Abismo em busca de recursos e inúmeras outras coisas de outro mundo, como artefatos capazes de mudar o mundo. Literalmente.

Dentre eles existem alguns mergulhadores lendários chamados de “Apito Branco”, que são aqueles que conseguem adentrar profundamente no Abismo em níveis tão fundos. Níveis que poucos conhecem e sabem o que se passa por lá…

A medida que se vai descendo, ele vai te surpreendendo, pois há coisas inimagináveis por lá. Monstros que podem matar facilmente quem os incomoda, locais que mais parecem como um paraíso escondido e tesouros misteriosos.

Por esses e outros motivos recomendo fortemente que assistam Made in Abyss, porque acho isso aqui uma aventura incrível que com certeza irá surpreender qualquer pessoa, mesmo que ela nunca tenha tido contato com animes.

5) Mob Psycho 100

Mob Psycho 100 Reigen e Mob perto dum banco de praça
  • Gênero: Sobrenatural, Ação, Comédia
  • Estúdio: Bones
  • Material Original: Web Comic (abril de 2012 – dezembro de 2017)
  • Episódios: 13+ 1 OVA

Agora, falando desta obra de arte, digo uma coisa para você: vai ter muito mais ação nesse anime do que muitos seriados de ação por aí.

Eu diria que é uma obra muito completa, porque também há um tom de comédia bem encaixado. Ou seja, além de ser muito divertido, Mob Psycho é também emocionante com suas lutas épicas e bem animadas.

E eu não poderia deixar de falar uma outra coisa que é o seguinte: o protagonista é o Mob, que é um menino “totalmente comum” e vítima de bullying no colégio. Só que com um diferencial: ele tem poderes psíquicos paranormais e nem sabe direito o porquê.

Contudo, o cara que ensina ele a usar e a não usar esses poderes (que para mim é o melhor personagem do anime), é o mito auto-proclamado paranormal Arataka Reigen.

Ele me conquistou de coração com suas performances lendárias que faziam com que ele, um cara que a primeira vista parece um fracassado, ainda tem um bom coração e boas intenções (na medida do possível).

Esse personagem tá de parabéns. O figuraça é uma lenda viva. Sem dizer que você dá tanta risada com ele que chega a passar mal. Ele samba na cara dos paranormais como se fosse o “fodão” sem ter um milímetro de poder algum.

Mas não é só disso que Mob Psycho é feito. A obra tem muitos personagens divertidos e poderosos, os vilões são a altura. Sendo assim, é uma aventura bem completa e cheia de ação e bem divertida.

Qualquer pessoa deveria assistir esse anime, desde que esteja apta a engolir um traço bem… diferente.

Tem na Crunchyroll!

Finalizando…

E então, era isso! Todos animes casuais o suficiente para que qualquer um adentre no mundo otaku com gosto (se escolher o certo).

Espero de verdade que eu tenha conseguido passar minha mensagem. E também que a lista faça sentido para a maioria dos leitores que pretendem apresentar o vasto mundo dos animes para seus familiares ou para conhecidos/amigos que nunca pegaram um bom anime para assistir.

Concluindo, adoraria que você deixasse a SUA recomendação de “bom anime para quem não costuma ver animes”. Ou então de “animes casuais”. Então, solta a letra! Quero ver que tipo de recomendação você vai deixar!

Escrito por

André Uggioni

Co-Fundador

Editor-chefe | Host do CúpulaCast

Criciúma - SC

Gostou do artigo?

Comente abaixo sua opinião sobre o assunto e convide o autor da postagem para conversar!

Se inscreva e receba
novidades exclusivas
da cúpula do trovão!

Gosta de animes e mangás? Conheça o nosso podcast!